Aeroporto já recebeu R$ 800 milhões da Fraport


Dos R$ 1,8 bilhão que o grupo alemão Fraport pretende investir no aeroporto Salgado Filho até 2021, cerca de R$ 800 milhões já foram aportados. Conforme a CEO da Fraport Brasil, Andreea Pal, em torno da metade das obras previstas foi encaminhada.

Um dos empreendimentos mais esperados é a ampliação da pista do complexo, que permitirá o aumento do transporte de cargas e de voos internacionais. Por enquanto, para ir adiante com essa ação, está sendo feita uma enorme drenagem orçada em R$ 170 milhões. Andreea estima que a pavimentação poderá iniciar até o começo do próximo ano. Com a extensão, que tem prazo de conclusão até 28 de dezembro de 2021, a pista passará de 2,28 mil metros para 3,2 mil metros.

Para a finalização da obra, ainda será necessário realizar a realocação de famílias que estão localizadas nas proximidades do aeroporto, na Vila Nazaré. Conforme Andreea, hoje são 932 famílias que precisam ser deslocadas ainda em 2018 para não ocorrer atraso no cronograma do aumento da pista. O vice-governador do Estado, Ranolfo Vieira Júnior, acredita que é plenamente possível cumprir esse prazo. Vieira Júnior e Andreea participaram ontem de jantar no British Club, em Porto Alegre, com o CEO da Fraport AG (controladora alemã da unidade brasileira), Stefan Schulte, e o prefeito da Capital, Nelson Marchezan Júnior, em razão da visita do Conselho de Administração da Fraport AG ao Brasil. Na ocasião, Vieira Júnior destacou que iria atualizar as informações sobre a questão da remoção das famílias com os empreendedores e a Prefeitura.

O procurador-geral Adjunto de Domínio Público, Urbanismo e Meio-Ambiente do município, Nelson Nemo Franchini Marisco, também presente no evento, ressaltou que os empreendimentos habitacionais para os quais serão deslocadas as famílias estarão prontos a tempo. « Entendemos que não haverá óbice para o cumprimento desse prazo », concordou.

Antes da ampliação da pista, outras mudanças poderão ser percebidas no aeroporto gaúcho. No próximo mês, por exemplo, o embarque nacional será feito no terceiro piso do complexo. Em junho, deverá estar pronto o novo edifício-garagem com 4,3 mil vagas. Até outubro será concluída a ampliação e modernização do terminal 1 de passageiros e a companhia Azul deverá realizar seus embarques por ali ao invés de no terminal 2, como é feito atualmente. Na sexta-feira passada, completou-se um ano de obras da Fraport no Salgado Filho.



Source link

A lire aussi

Laisser un commentaire