Dólar à vista cai antevendo fluxo da JBS


O dólar opera em baixa no mercado à vista e em alta no contrato futuro de maio, refletindo ajustes em relação ao fechamento anterior. Às 9h35min desta terça-feira (2), o dólar à vista caía 0,20%, aos R$ 3,8662. O dólar futuro para maio estava em alta de 0,38%, aos R$ 3,8735.

Os investidores monitoram a melhora dos índices futuros de Nova Iorque, enquanto o índice do dólar segue exibindo alta, embora o dólar também mostre sinais mistos em relação a divisas de países emergentes exportadores de commodities.

O diretor executivo da Correparti, Jefferson Rugik, diz que o mercado à vista precifica as duas captações externas fechadas na segunda-feira, dia 1º, pela JBS, de US$ 1 bilhão pela subsidiária norte-americana e de US$ 500 milhões pela empresa no Brasil. Ele diz que a expectativa é de que a emissão feita pela empresa no Brasil poderá ser internalizada e o mercado se antecipa a essa possibilidade.

O operador Luis Felipe Laudisio dos Santos, da Renascença DTVM, afirma que a emissão da JBS é mais uma notícia positiva para o real. Segundo ele, o destaque no pregão nesta segunda foi a movimentação de investidores estrangeiros, que zeraram posição comprada em 25.520 contratos com Bancos e Fundos Nacionais na contraparte com 13.370 e 12.810 contratos respectivamente.



Source link

A lire aussi

Laisser un commentaire