Bolsas da Ásia fecham em alta, com recuperação mesmo após tarifa dos EUA


As bolsas asiáticas fecharam em geral em alta nesta sexta-feira (10), com recuperação parcial após quedas recentes. O movimento ocorreu mesmo com a confirmação da entrada em vigor de uma elevação em tarifas sobre alguns produtos chineses pelos Estados Unidos, em meio às negociações comerciais das duas potências em Washington.

Na China, a Bolsa de Xangai fechou em alta de 3,10%, em 2.939,21 pontos, seu maior ganho em seis semanas, e a de Shenzhen, de menor abrangência, registrou ganho de 3,84%, a 1.640,44 pontos. Para o estrategista Vasu Menon, do OCBC Bank em Cingapura, a movimentação no mercado acionário chinês mostra a esperança entre investidores de que as coisas melhorarão « em breve ». Menon acredita que, apesar das diferenças, não se pode dizer que a relação entre China e EUA seja ruim neste momento. « Eles ainda conversam entre si e isso dá a esperança de que talvez as elevações nas tarifas possam ser revertidas adiante », acredita. De qualquer modo, ele diz que tem aconselhado os clientes a ser cautelosos e a reduzir riscos. Nesta sexta-feira, entrou em vigor o aumento tarifário imposto pelos EUA sobre mais de US$ 200 bilhões em produtos chineses. O Ministério do Comércio já informou que pretende retaliar, sem especificar como.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng fechou em alta de 0,84%, em 28.550,24 pontos. Ping An Insurance e China Overseas Land subiram ambas 2,5%, enquanto a gigante da internet Tencent avançou 1,7%. Já China Mobile registrou perda de 0,9%, após os EUA dizerem que ela não poderá operar em solo americano.

No Japão, o índice Nikkei foi na contramão da maioria e caiu 0,27% em Tóquio, a 21.344,92 pontos. Na comparação semanal, o índice recuou 4,1%. O fortalecimento do iene com a maior busca por segurança tem pressionado ações de exportadoras japonesas.

Na Coreia do Sul, o índice Kospi subiu 0,29%, a 2.108,04 pontos, mas cedeu 4% na comparação semanal, em sua pior semana do ano. Na Bolsa de Seul, as ações de seguradoras em geral subiram nesta sexta e Samsung Electronics avançou 1,1%, mas Hyundai motor recuou 0,8% e Posco teve perda de 1,6%.

O índice Taiex, da Bolsa de Taiwan, fechou em baixa de 0,19%, em 10.712,99 pontos, com perda de 3,5% na semana. Trata-se da segunda pior semana neste ano para a praça local. Nessa sexta, Hon Hai, fornecedora da Apple, registrou baixa de 0,7%, mas Largan Precision avançou 1%. TSMC teve queda de 0,2%, enquanto papéis de grandes companhias dos setores financeiro e industrial em geral caíram.

Na Oceania, o índice S&P/ASX 200 fechou com ganho de 0,25%, em 6.310,90 pontos, com queda de 0,4% na comparação semanal. Ações do setor de energia subiram 0,7% hoje, apoiadas pelo petróleo, enquanto as concessionárias tiveram alta de 2,2% e o setor financeiro registrou ganhos modestos.



Source link

A lire aussi

Laisser un commentaire