Genro de Trump levará plano de paz ao Conselho de Segurança da ONU – Notícias



Jared Kushner, conselheiro e genro do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, apresentará ao Conselho de Segurança das Nações Unidas, na próxima quinta-feira (6), o plano de paz para o Oriente Médio divulgado na semana passada pela Casa Branca.


Grande arquiteto da proposta, Kushner abordará a questão com o mais alto órgão de decisão das Nações Unidas em uma reunião de portas fechadas, disse nesta segunda-feira o embaixador belga Marc Pecsteen de Buytswerve, que preside o Conselho este mês.


A reunião foi solicitada pela delegação dos Estados Unidos e espera-se que o genro de Trump ouça as opiniões dos demais poderes sobre o plano, que desde o início encontrou uma ampla rejeição internacional.


Rejeição árabe


Em uma reunião extraordinária realizada no último sábado, a Liga Árabe rejeitou a iniciativa dos EUA, enquanto a União Europeia (UE) deixou claro que nenhum plano de paz pode ter sucesso sem o apoio dos palestinos, que se opõem totalmente a ele.



Os palestinos trabalham em conjunto com seus aliados para tentar pressionar por uma resolução na qual o Conselho de Segurança rejeite oficialmente o plano de Trump.


Em um comunicado, o embaixador de Israel na ONU, Danny Danon, assumiu que os EUA vetariam qualquer movimento desse tipo.


Caso isso aconteça, os palestinos poderiam então ir à Assembleia Geral – o órgão da ONU, onde todos os Estados-membros têm assento e onde suas posições costumam ser amplamente apoiadas – para buscar uma resolução, que neste caso não seria vinculativa.



Read more

A lire aussi

Laisser un commentaire