Bolsas de Nova Iorque fecham em alta e renovam recordes de fechamento


As bolsas de Nova Iorque encerraram a quarta-feira (12), em alta, renovando recordes de fechamento, após mais um pregão marcado por alívio parcial com o coronavírus, em meio à percepção de que a epidemia está se espalhando em ritmo mais lento.

O índice Dow Jones fechou em alta de 0,94%, a 29.551,42 pontos, enquanto o S&P 500 encerrou o dia com ganho de 0,65%, a 3.379,45 pontos, e o Nasdaq, de 0,90%, a 9.725,96 pontos.

O sentimento de que o alastramento do surto de coronavírus está desacelerando, mais uma vez, ofereceu apetite por risco aos mercados internacionais. A informação foi confirmada pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Ainda de acordo com a entidade, apenas 22% dos infectados não estiveram em território chinês, o que sugere que o ritmo de contágio, de fato, não parece ser agressivo fora da China.

Pra ajudar no bom humor, a cientista-chefe da organização, Soumya Swaminathan, revelou que, atualmente, há quatro vacinas contra o coronavírus em processo de desenvolvimento. Por outro lado, ela explicou que a imunização só deve ficar pronta em 18 meses.

« O sentimento otimista do mercado continuou a se espalhar pelos mercados, com taxas mais baixas de infecção por coronavírus », defende o BBVA Research, em nota enviada a clientes nesta tarde. « A província de Hubei, na China, registrou hoje o menor número de infecções este mês », completa a instituição.





Source link

A lire aussi

Laisser un commentaire