Dólar tem queda abrupta para R$ 4,33 após oferta de US$ 1 bi em swap


O dólar virou abruptamente para o lado negativo, após atingir máxima em R$ 4,3830, alta de 0,74% no mercado à vista e de R$ 4,3855 (+0,62%) no mercado futuro. A queda radical às mínimas de R$ 4,3380 (-0,30%) e R$ 4,3395 (-0,44%), respectivamente, levou o dólar março a entrar em leilão.


Já a queda foi reação ao anúncio de oferta extraordinária de US$ 1 bilhão em contratos de swap cambial (20 mil contratos), das 10h10min às 10h20min.

O responsável pela área de câmbio da Terra Investimentos, Vanei Nagen, diz que a intervenção ocorreu por falta liquidez e, nesse caso, « é melhor ofertar swap, porque não gasta reservas ».

O profissional afirma que não dá para saber se resolve, após as falas do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do Banco Central, Roberto Campos Neto, considerando normal o câmbio no patamar atual. « É para defender liquidez e não por volatilidade », avalia Nagen.





Source link

A lire aussi

Laisser un commentaire