Golfinhos são mortos com tiro e facada, e Flórida procura culpados – Notícias


Autoridades oferecem recompensa equivalente a R$ 86 mil para quem der informações que levem aos responsáveis pelo assassinato dos animais

golfinhos mortos



Dois golfinhos foram encontrados mortos vítimas de ataques violentos em praias da Flórida (EUA) em uma mesma semana, desadando uma busca nacional para encontrar o responsável ou responsáveis pelo assassinato dos dois animais.


Um dos golfinhos foi encontrado com uma marca de tiro na lateral do corpo, enquanto o outro foi esfaqueado com algum tipo de objeto pontiagudo na cabeça.


A Administração Nacional para de Oceanos e do Clima (NOAA, na sigla em inglês) oferece uma recompensa de US$ 20 mil (R$ 86 mil) para quem der informações que levem à identificação da pessoa ou das pessoas responsáveis pelo ataque.



29 golfinhos assassinados






A morte de golfinhos por armas de fogo ou outros ataques violentos realizados por humanos não é incomum no litoral dos Estados Unidos.





De acordo com a NOAA, os casos de mortes brutais de golfinhos cresceram nos últimos anos. Desde 200, foram registrados 29 casos de animais mortos por tiros, flechas ou empalados foram registrados. Quatro desses casos foram registrados nos últimos 12 meses.


Em 2018, autoridades de dois estados confirmaram dois casos de golfinhos mortos a tiros. Em um deles, no Mississipi, uma fêmea grávida foi abatida a tiros. Em outro, na Califórnia, outro golfinho foi encontrado morto com perfurações no corpo.


EM VÍDEO: Golfinho abandonado em aquário no Japão gera indignação pública





_



Read more

A lire aussi

Laisser un commentaire