Alemanha reabre escolas, mas mantém distanciamento social – Notícias




Os alunos da Alemanha voltaram às salas de aula para prestar suas provas finais nesta segunda-feira (20), quando escolas que foram fechadas no mês passado para conter a disseminação da epidemia de coronavírus começaram a reabrir.


Leia também: Sem unidade e solidariedade, ‘o pior está por vir’, alerta diretor da OMS


A reabertura parcial, combinada na semana passada pela chanceler, Angela Merkel, e os premiês regionais, começou com os alunos mais velhos, que mesmo assim observarão um distanciamento social rígido enquanto respondem às questões.





« Acredito que os alunos estão prontos para suas provas finais agora », disse Antje Luekemann, diretor da Escola Secundária Steglitz de Berlim, cujos alunos chegaram usando máscaras e desinfetaram as mãos com gel antisséptico antes de se sentarem em carteiras bem afastadas.


« Quanto mais a incerteza durar, mais difícil será mantê-los motivados, e é por isso que acredito que é muito importante recebermos aprovação para estas provas », acrescentou Luekemann.


Estudantes de todo o mundo vêm tendo aulas pela internet desde que governos ordenaram que as escolas ficassem fechadas para desacelerar a transmissão do novo coronavírus, que já matou mais de 100 mil pessoas em todo o mundo.



Reabertura parcial



Na semana passada, as autoridades alemãs concluíram que medidas de distanciamento social, como fechamento de lojas, restrições a reuniões públicas e trabalho domiciliar generalizado, conseguiram frear a proliferação da doença o suficiente para permitir uma reabertura limitada.


Os detalhes de como as escolas voltarão a funcionar cabem aos 16 Estados do país. Em Berlim, os jovens de 16 anos voltarão às salas uma semana após os de 19 anos, e outras faixas etárias os seguirão em etapas ao longo dos próximos meses.



Read more

A lire aussi

Laisser un commentaire