Cai número diário de casos de coronavírus na Argentina – Notícias





O número diário de infecções por coronavírus na Argentina foi de 552 nesta segunda-feira (25), uma queda de 171 novos casos em comparação aos dados divulgados ontem, o que elevou o total a 12.628, enquanto houve mais 15 mortes por covid-19, subindo a quantidade de vítimas desde o começo da pandemia para 467.


A Área Metropolitana de Buenos Aires (Amba), formada pela capital e pelas cidades ao redor, continua sendo o foco da pandemia no país vizinho e mais uma vez foi afetada por novos contágios.


De acordo com o relatório emitido pelo Ministério da Saúde argentino, Buenos Aires contou 375 casos positivos nas últimas 24 horas, enquanto a província de mesmo nome teve outros 159.


A situação é especialmente delicada em assentamentos e favelas, com aumento exponencial de casos nas últimas semanas, crescendo a um ritmo ainda mais acelerado que no restante da capital.


Entre as 12.628 notificações de infecção por SARS-CoV-2 na Argentina, 7,9% foram importados, 44,1% são pessoas próximas de gente que havia sido contagiada antes, 32,1% correspondem à circulação comunitária e 15,9 estão sob investigação epidemiológica.


As autoridades sanitárias confirmaram 15 novas mortes em relação a ontem, oito delas na cidade de Buenos Aires, cinco em outras cidades da província homônima, uma em Rio Negro e uma em Córdoba.



Protestos isolados



O governo do presidente Alberto Fernández decidiu prolongar a quarentena obrigatória até 7 de junho, o que levou nesta segunda-feira dezenas de pessoas a se manifestarem no centro de Buenos Aires para protestar contra o isolamento social obrigatório, que se tornou mais severo a partir de hoje na capital.


Em Mar del Plata, na província de Buenos Aires, houve uma carreata protagonizada por pessoas que querem reiniciar suas atividades comerciais.



Read more

A lire aussi

Laisser un commentaire